Jornal Tijucas - Ibovespa sobe com possibilidade de remdesivir ser eficaz contra covid-19

Ibovespa sobe com possibilidade de remdesivir ser eficaz contra covid-19

Negócios -

O Ibovespa abriu em alta nesta sexta-feira, 17, com a possibilidade de o remédio remdesivir ser eficaz no tratamento do coronavírus. O medicamento, que vinha sendo testado pela farmacêutica americana Gilead, apresentou melhoras em todos os 125 pacientes com o coronavírus covid-19 que participaram de uma pesquisa realizada pela Universidade de Chicago, segundo o site de notícias médicas Stat. Desse total 113, estavam em estado grave. Com a boa notícia no radar, às 10h26, o principal índice brasileiro de ações subia 2,32% e marcava 79.554,10 pontos.

Com a notícia de seu medicamento, as ações da Gilead subiam cerca de 10% antes da abertura dos mercados nos Estados Unidos.

Para o Renato Mimica, diretor da Exame Research, o remdesivir, assim como os outros potenciais medicamentos contra o coronavírus podem ser um gatilho positivo para o mercado. “A curva de contágios e fatalidades e notícias sobre resultados de testes de tratamentos devem continuar sendo os grandes direcionadores de preços no curto prazo”, disse em relatório. 

A melhora de percepção sobre o cenário também foi reforçada pelo plano de reabertura gradual da economia americana. Em pronunciamento na noite de ontem, o presidente Donald Trump informou que os Estados Unidos devem passar por três fases antes da volta à normalidade.

Apesar da reabertura em vista, governadores estaduais se mostram mais temerosos quantos a um afrouxamento da quarentena. Ontem, sete estados da costa oeste, incluindo o de Nova York, estenderam as medidas de isolamento social por, pelo menos, mais um mês. A região é a mais atingidas pelo coronavírus nos Estados Unidos.

“Em suma, a iniciativa em direção da reabertura poderá animar os mercados, mas resta saber se o otimismo de Donald Trump é compartilhado pelos governadores e pela população para que ela efetivamente se concretize”, escreveram em analistas da Guide Investimentos em relatório. 

Mesmo com o tom positivo no mercado, o preço do barril de petróleo futuro cai mais de 5%, com a expectativa de forte queda da demanda pela commodity. Com isso, as ações da Petrobras têm leve queda e impedem que o Ibovespa suba ainda mais.


Fonte: Com Agências