Jornal Tijucas - Igor Júlio quer fazer história na Fiorentina e aguarda por milagre na Itália durante a pandemia

Igor Júlio quer fazer história na Fiorentina e aguarda por milagre na Itália durante a pandemia

Esportes -

Igor Júlio já disputou quatro partidas oficiais pela Fiorentina (Foto: Divulgação)

O zagueiro Igor Júlio está vivendo o sonho de praticamente todos os jogadores no início de suas carreiras. Logo aos 22 anos, está na Fiorentina, da Itália, emprestado pela SPAL. O defensor não tem seu nome muito reconhecido no Brasil pelo fato de ter sido revelado pelo pelo Red Bull Brasil e, logo em seguida, partido para a Europa.

Em conversa exclusiva com a Gazeta Esportiva, Igor Júlio deixa claro que seu grande objetivo é marcar seu nome na história do futebol europeu. O zagueiro está contente no clube italiano e, no momento, não projeta um retorno ao Brasil.

“Eu quero fazer a minha história e trajetória no futebol. Acabei de chegar a Fiorentina, que é um clube de muita tradição, grande demais aqui na Itália, e isso era um objetivo que eu tinha. Então quero me firmar aqui, escrever minha história, como falei, e depois ver o que Deus tem para mim”, afirmou Igor Júlio.

“Olha, hoje eu não penso muito nisso. Como eu falei, cheguei há pouco tempo aqui na Fiorentina, ainda sou novo, quero fazer uma boa história aqui na Itália, na Europa, e quem sabe um dia retornar, atuar no meu país, no Brasil. Mas não penso em time, ou qualquer outra situação, pois tenho contrato aqui e estou muito feliz”, completou.

Igor Júlio acredita que conseguiu acumular importantes ensinamentos táticos por ter entrado em contato com o futebol europeu ainda muito cedo. O defensor destaca que a Itália tem uma preparação singular para os zagueiros, diferenciando-se do restante do mundo.

“Eu acho que sim. Fui revelado por um clube brasileiro, mas vim muito cedo para a Europa. Acho que eu aprendi algumas questões aqui e evolui bastante com isso. Parte tática, questão da intensidade do jogo. Não posso falar pois joguei pouco no Brasil, mas creio que tenha me ajudado”, disse Igor Júlio.

“Com certeza, como falei anteriormente, a questão tática aqui, posicionamento da linha de 4, intensidade. É tudo bem diferente do que eu já tinha visto na carreira, e a gente aprende demais, vai evoluindo cada treinamento, cada dia de trabalho”, adicionou.

Situação crítica com a covid-19

Igor Júlio está em um dos países que mais sofreu com o coronavírus desde o início da pandemia. O zagueiro relata que praticamente não há movimentação na rua e que a população está à espera de “um milagre” para que a situação deixe de ser calamitosa.

“A situação aqui está bastante complicada, não se vê ninguém na rua, nem carros, todos em casa, esperando ter boas notícias, um milagre mesmo. Desde o início de março estamos respeitando o que as autoridades do mundo todo tem pedido. A gente vai tentando ocupar a cabeça, treina bastante, fico em casa, assisto séries, filmes, leio bastante. É o que dá pra ser feito”, finalizou.

Igor Júlio chegou à Fiorentina em fevereiro deste ano, com um contrato de empréstimo de dois anos e obrigação de compra. Desde então, disputou quatro partidas oficiais pela Viola. Em sua estreia, o zagueiro enfrentou a imponente Juventus, de Cristiano Ronaldo.


Fonte: Com Agências