Jornal Tijucas - Para vender, montadoras anunciam pagamento de 1ª parcela só em 2021

Para vender, montadoras anunciam pagamento de 1ª parcela só em 2021

Negócios -

FABRICA DA FIAT EM BETIMFoto: germano Lüders22/05/2014

Com projeção de queda de vendas de mais de 80% neste mês em relação ao previsto antes da pandemia do coronavírus e necessidade urgente de caixa, montadoras e concessionárias lançam medidas para tentar movimentar o mercado de carro novo. Apesar de a produção estar suspensa há várias semanas, o setor tem elevado estoque nas lojas e nos pátios das fábricas.

Em ação iniciada na terça-feira, 14, e com validade até o dia 30 a Fiat oferece seus modelos com financiamento em até 48 meses e primeira parcela a ser paga só em janeiro de 2021.

O consumidor precisa dar de 40% a 50% de entrada do preço do carro novo – valor muitas vezes obtido na troca pelo usado. “O cliente que fizer a compra em 48 parcelas vai pagar 43”, diz Herlander Zola, diretor comercial da Fiat.

Com carência oferecida pela empresa, as cinco primeiras parcelas a serem cobradas a partir de agosto serão bancadas pela fabricante.

Nos primeiros dez dias do mês, as vendas totais de automóveis e comerciais leves estão na faixa de mil unidades ao dia, quando normalmente a média é de 10 mil a 12 mil. A previsão das fabricantes é de vender no máximo 35 mil veículos neste mês, ante uma projeção de 220 mil antes da piora do cenário econômico em razão da covid-19. Todo o processo de compra pode online, explica Zola.

Na semana passada, a Jeep, outra marca do grupo FCA Fiat Chrysler, já tinha lançado ação propondo assumir o pagamento das oito primeiras parcelas dos SUVs Renegade e Compass.

A Hyundai vende seus modelos via Instagram, WhatsApp e Messenger já que, por decisão dos governos estaduais, a maioria das revendas está funcionando só para serviços de manutenção. A marca colocou um grupo de vendedores em showrooms para atender e mostrar os carros por chamadas de vídeo. “Também temos um serviço para levar o veículo até o cliente para test-drive”, informa Jan Telecki, responsável pela área de marketing da Hyundai.

De casa

A Ford criou um canal de atendimento chamado de “Compre Sem Sair de Casa”, que permite ao interessado fazer todo o processo de negociação, desde a procura até a decisão de compra sem precisar ir à revenda. “Percebemos que alguns clientes mantiveram suas compras e nosso canal oferece comodidade e conveniência”, diz o diretor de marketing e vendas, Antonio Baltar Jr.

No mês passado, a Ford foi a primeira a oferecer aos clientes a possibilidade de suspensão do pagamento das parcelas de financiamentos em andamento por três meses. Elas serão cobradas no final do contrato. A Volkswagen Financial Services (braço financeiro da montadora), permite ao cliente que está com as prestações em dia prorrogar o próximo pagamento em até dois meses, sem alteração no juro.


Fonte: Com Agências