Jornal Tijucas - Em uma semana, Centro de Triagem em Joinville realizou 160 atendimentos

Em uma semana, Centro de Triagem em Joinville realizou 160 atendimentos

Últimas notícias -

Em funcionamento há exatamente uma semana, o Centro de Triagem do coronavírus, em Joinville, no Norte do Estado, já realizou 160 atendimentos. A média é de 45 pessoas por dia.

 

Média é de 45 atendimentos por dia no local – Foto: Rogério Silva/PMJ

A estrutura montada na Associação Atlética Tupy, no bairro Boa Vista, tem como objetivo evitar a superlotação das unidades hospitalares da cidade. Apesar da procura, segundo o médico infectologista e coordenador do centro, Luiz Henrique Melo, o número de atendimentos no local ainda não atingiu o máximo esperado.

“Acreditamos que o número de atendimentos reflete a aceitação da quarentena como forma adequada de prevenção. Agora, com o relaxamento das medidas, vamos ver se terá um impacto na nossa programação”, explica.

Cerca de 20% dos pacientes são encaminhados as unidades de saúde

De acordo com infectologista, dos 160 atendimentos já realizados no centro, cerca de 20% dos pacientes foram encaminhados às unidades hospitalares da cidade. Já 80% foram orientados a seguir em isolamento e com o tratamento domiciliar

Ao chegar no local, logo na entrada, o paciente recebe uma máscara cirúrgica e realiza a higienização das mãos com álcool em gel. Depois, ele é encaminhado para avaliação médica em uma das salas montadas como consultório, para que seja definido o tipo de encaminhamento com base nos sintomas apresentados.

Para àqueles com sintomas mais leves, é recomendado o isolamento social entre outros cuidados. Já em casos graves, a pessoa é levada a uma das unidades de saúde por uma ambulância. O atendimento no espaço é gratuito e segue todas as recomendações do Ministério da Saúde.

 

No local os pacientes são orientados conforme os sintomas – Foto: Rogério Silva/PMJ

Local tem capacidade de atender 160 pessoas por hora

Segundo Luiz Henrique, a expectativa é de que possa haver um pico no número de atendimentos na próxima semana. Apesar disso, ele garante que o centro está preparado à alta da demanda.

“Atualmente nós temos a capacidade para realizar 160 atendimentos por hora. Além disso, também temos espaços para criar hospitais de campanha e atendimento drive-thru. Mas nós esperamos que isso não seja necessário”, explica.

Melo ressalta, ainda, que apesar da flexibilização na quarentena, as pessoas não devem deixar de lado as dicas de prevenção contra o coronavírus. “Não é porque foi liberada a quarentena que está liberado o distanciamento e a higienização das mãos. Todos devem se prevenir contra a doença”.

Centro estará fechado nesta sexta-feira

Por conta do feriado, nesta sexta-feira (10) o Centro de Triagem estará fechado. Os atendimentos no local retornam na próxima segunda-feira (13). Durante o período, a recomendação é de que as pessoas que tiverem sintomas do novo coronavírus procurem os Pronto Atendimentos.

Além disso, segundo a Prefeitura, nesta sexta também estará em funcionamento o serviço Web-Saúde que possibilita os moradores de Joinville tirar dúvidas relacionadas ao coronavírus por meio do WhatsApp. O serviço está disponível no número (47) 3481-5165.

O Centro de Triagem é uma iniciativa do comitê de crise da Associação Empresarial de Joinville (Acij) com parceria da Univille, Unisociesc, Prefeitura de Joinville e Secretaria Municipal de Saúde. Cerca de 10 acadêmicos do último ano do curso de medicina atuam no local com outros profissionais de saúde e sob coordenação do infectologista.

A estrutura, localizada na Rua Albano Schmidt, funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h.


Fonte: Com Agências