Jornal Tijucas - Maia cita ‘ciúmes’ de Bolsonaro por Mandetta ter feito live com sertanejos

Maia cita ‘ciúmes’ de Bolsonaro por Mandetta ter feito live com sertanejos

Últimas notícias -

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta 3ª feira (7.abr.2020) que o presidente Jair Bolsonaro se ressentiu pelo fato de o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ter participado de live de uma dupla sertaneja.

Em videoconferência promovida pela Necton Investimentos, Maia disse que sabia que Mandetta não seria demitido, diferentemente do que parte da mídia publicou ao longo da tarde de 2ª feira (6.abr). “Eu tinha certeza que o presidente não ia demitir Mandetta, 1 ministro popular“, disse.

Maia comentou, ainda, que a “grande raiva” de Bolsonaro foi o ministro da Saúde ter aparecido na live dos sertanejos Jorge e Mateus, no sábado (4.abr). Na avaliação do congressista, Luiz Henrique Mandetta construiu uma relação de confiança com a sociedade, o que dificultaria sua demissão.

O presidente trabalha muito com popularidade, popularidade de rede social. Tem sido assim a relação dele com o Moro e tem sido assim agora na relação dele com o Mandetta“, afirmou.

BOLSONARO X MANDETTA

Depois de 1 dia de tensão sobre possível demissão do ministro da Saúde, Mandetta anunciou no fim da noite de 2ª feira (6.abr) que permanece no cargo. “Nós vamos continuar, porque continuando a gente vai enfrentar o nosso inimigo. E o nosso inimigo é a covid-19. Médico não abandona paciente. Eu não vou abandonar”, disse o ministro à imprensa.

Na manhã desta 3ª feira (7.abr), foi publicado 1 artigo científico assinado por Mandetta e outros 7 especialistas defendendo o isolamento social como medida de contenção ao avanço da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A medida vai de encontro às declarações do presidente da República, que defende o isolamento vertical.


Fonte: Com Agências