Jornal Tijucas - Políticos e membros do Judiciário avaliam que Bolsonaro se enfraqueceu e ruptura entre ele e Mandetta é irreversível

Políticos e membros do Judiciário avaliam que Bolsonaro se enfraqueceu e ruptura entre ele e Mandetta é irreversível

Últimas notícias -

A entrevista do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciando que vai continuar à frente da pasta mostrou o rompimento irreversível entre ele e Bolsonaro. Na opinião de membros do Judiciário e do Legislativo, ficou patente o enfraquecimento de Bolsonaro

Jair Bolsonaro e Luiz Henrique Mandetta
Jair Bolsonaro e Luiz Henrique Mandetta (Foto: ADRIANO MACHADO/REUTERS)

A entrevista de Luiz Henrique Mandetta realizada nesta segunda-feira (6) à noite na sede do Ministério da Justiça, selou o desprestígio de Bolsonaro como chefe do Poder Executivo e deixou à mostra a sua derrota política. 
 
Mandetta montou um cenário e traçou um roteiro para reforçar o seu respaldo político e deixar marcado o fracasso de Bolsonaro na tentativa de afastá-lo.  

Não faltaram manifestações de apoio de representantes de entidades, agradecimentos à imprensa e ao corpo funcional da pasta. 

Nos meios parlamentares a ruptura entre Bolsonaro e Mandetta é irreversível. De acordo com a coluna, a  decisão do Ministério da Saúde de flexibilizar as medidas de isolamento a partir do dia 13 de abril, pode, na melhor das hipóteses, diminuir uma parte do confronto entre o chefe do Executivo e o ministro. 


Fonte: Com Agências