Jornal Tijucas - Ministro da Educação usa Turma da Mônica para debochar de chineses

Ministro da Educação usa Turma da Mônica para debochar de chineses

Últimas notícias -

 
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, usou o personagem Cebolinha, da Turma da Mônica, para defender a tese de que a China criou o novo coronavírus para dominar o mundo.
Abraham Weintraub
 
Crédito: Valter Campanato/Agência BrasilMinistro Abraham Weintraub insinuou que China sairá ‘fortalecida’ com a crise do novo coronavírus

“Geopolíticamente, quem podeLá saiL foLtalecido, em teLmos Lelativos, dessa cLise mundial? PodeLia seL o Cebolinha? Quem são os aliados no BLasil do plano infalível do Cebolinha paLa dominaL o mundo? SeLia o Cascão ou há mais amiguinhos?”, escreveu o ministro no Twitter.

 

  • Quais os cuidados para prevenir o novo coronavírus
  • Saiba o que fazer se estiver com suspeita de coronavírus
  • Coronavírus: saiba o que a OMS diz sobre o uso de máscaras
  • Como se proteger no ambiente de trabalho
  • Quais os sintomas e tudo o que se sabe até agora sobre o coronavírus
  • SUS lança app para fazer triagem virtual
  • Coronavírus: como se proteger no transporte público
  • Aplicativo avisa se você passou por alguém com coronavírus
  •  Entenda a diferença entre quarentena e isolamento

Para ilustrar a postagem, o ministro usou a capa de um gibi da Turma da Mônica ambientada na Muralha da China. A troca da letra “r” pela letra “l”, referência ao modo de falar do personagem Cebolinha, foi usada para ridiculariza o sotaque de muitos asiáticos ao falar português.

 

Há cerca de duas semanas, o governo entrou em crise diplomática com a China após o deputado federal Eduardo Bolsonaro publicar um tuíte em que acusou a China de ter escondido informações sobre o início da pandemia do coronavírus. “A culpa é da China e liberdade seria a solução”, escreveu o deputado.


Fonte: Com Agências